Polícia Civil prende Adriana Maria Oliveira Furtado maior estelionatária do Brasil em Natal

Uma das maiores estelionatárias do país foi presa pela Polícia Civil foi presa em flagrante em um posto de gasolina tentando aplicar um golpe nos frentistas. Com ela foram encontrados talões de cheque e cartões de crédito em nome de pelo menos dez pessoas diferentes.

A acusada foi identificada como Adriana Maria Oliveira Furtado, de 51 anos, que estava a caminho a cidade de Fortaleza no estado do Ceará. Ela confessou que praticava estelionato desde os 18.

Natural da cidade de Joinville, no estado de Santa Catarina, ela estava no Nordeste para a realização dos crimes. Em Natal, dois foram registrados pela Divisão Especializada no Combate ao Crime Organizado (Deicor), que foi informada pelos setores de inteligência de outros estados sobre a presença da criminosa.

O golpe aplicado era sempre o mesmo ela chagava a uma agência bancária e utilizava um nome comum, questionando os funcionários se não havia cartão de crédito, ou talão de cheque com seu nome.

Ela começava a conversar com os funcionários para distraí-los e eles se esqueciam de pedir a documentação. Ela usava o nome de “Maria Aparecida”, que é de uso comum. No Brasil, ela possui mais de 50 processos judiciais pela prática de estelionato, realizados principalmente nos estados de Santa Catarina e São Paulo. “Era um estilo de vida para ela. Ela vivia disso”, diz o delegado Marcuse de Oliveira Cabral.

PORTAL NO AR

Compartilhe isso:

Recommended For You

About the Author: Terra Potiguar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Roda pé
%d blogueiros gostam disto: