ABC perde para Remo e se complica na briga por classificação

A situação do ABC em termos de classificação para segunda fase se complicaram bastante com a derrota sofrida para o Remo, neste domingo, no estádio Mangueirão. A equipe potiguar que tem o caminho mais difícil em relação aos seus dois adversários diretos, foi ultrapassado por Santa Cruz e Botafogo-PB, que abriram três pontos de vantagem em relação aos potiguares faltando duas rodadas para o final da fase de classificação. Dedeco marcou o gol que deu os três pontos e fizeram o time paraense colocar a cabeça para fora da zona de rebaixamento num momento decisivo da competição.

As duas equipes entraram em campo pressionadas pelo resultado. Os donos da casa precisavam da vitória para abandonar a zona de rebaixamento, já os natalenses apenas com a conquista dos três pontos poderiam retomar a posição dentro do G-4, perdida no início da rodada. Fora disso, os resultados não atenderiam às necessidades momentâneas das duas equipes.

Se esperava uma pressão inicial dos remistas,mas não foi isso que aconteceu, os paraenses se posicionaram mais atrás nos primeiros instantes e o ABC passou a propor o jogo, chegando por duas vezes com algum perigo à área adversária.

Optando por atuar de forma reativa, os remistas encontravam dificuldade para armar os seus contra-ataques, a marcação dos potiguares era muito justa e não permitia os espaços desejados.

Apenas na metade da etapa inicial, o Remo ensaiou uma pequena pressão, tentou ser mais efetivo no ataque, porém longe de ser contundente, não conseguiu arrematar com perigo, mesmo com Edson contundido depois de uma dívida com zagueiro Mimica.

De qualquer forma a pressão empurrou mais os natalenses para o campo de defesa, que diminuiu sua presença no campo ofensivo, mas conseguiu segurar os paraenses, matando principalmente a velocidade do ataque adversário. Outro problema que resultou nas poucas oportunidades, foi que os dois times abusaram de errar passes.

O Remo voltou mais afoito para a etapa complementar, logo aos quatro minutos perdeu a grande chance de todo o jogo, depois de a bola sobra para Dedeco, após bate rebate na entrada da área, mas o atacante chutou para grande defesa de Edson. Logo depois o goleiro abecedista apareceu de novo ao evitar que a bola desviada por Gabriel Lima tomasse o rumo da rede, dando um tapinha para escanteio.

Ainda abusando dos erros de passes, o ABC não conseguia armar os seus contra-ataques, ele pecava no último passe e quando conseguia chegar na frente da área, demonstrava pouca paciência de buscar a melhor jogada e arriscava o chute de forma precipitada, favorecendo a vida da zaga paraense.

Enquanto o Remo trocava peças buscando dotar sua equipe de mais velocidade, Ranielle decidiu fechar o meio-campo colocando Leomir no lugar de Matheus Carvalho. Com isso, Higor Leite passou a jogar mais adiantado. A partida ficou mais equilibrada com as movimentações das peças e depois de os natalenses conseguirem conter o apetite inicial do Leão.

O Remo teve outra grande oportunidade de largar na frente, após contra-ataque puxado por Isac, que conseguiu achar Elielton na área, mas o jogador demorou a definir e quando fez, Edson conseguiu abafar o lance, depois segurou com firmeza.

O ABC não conseguia mais conter os investidas do Remo, e num dos tantos cruzamentos paraenses, Dedeco apareceu livre na área, por trás de toda zaga Alvinegra, para encostar e fazer 1 a 0 Remo e decretar a festa no Mangueirão.

na base do desespero, o ABC foi ao ataque e quando empatou o jogo com Leandro Cearense, que acertou uma cabeçada certeira após cruzamento de Igor pela esquerda, mas Vinícius conseguiu fazer milagre. Ele defendeu e ainda vou a bola bater no travessão e sobrar no pé de Higor Leite, que tentou de pucheta, mas errou o alvo.

Nas duas últimas rodadas o ABC irá enfrentar as duas melhores equipes do grupo A, começando pelo Náutico, sábado, na Arena Pernambuco. Depois o clube fecha sua participação diante do Atlético-AC, no Frasqueirão. Mas agora ele não depende apenas de suas próprias forças para se classificar.

Ficha técnica

Remo 1 x 0 ABC

Remo: Vinicius, Nininho, Mimica, Bruno Maia e Fernandes, Vacaria (Geandro), Gabriel Lima (Isac) e Dudu (Elielton), Eliandro e Dedeco. Técnico: João Neto

ABC: Edson, Arêz, Vinícius, Henrique e Igor; Anderson Pedra, Felipe Guedes, Marcos Júnior (Erivélton) e Higor Leite; Leandrão (Leandro Cearense) e Matheus Carvalho (Leomir). Técnico: Ranielle Ribeiro.

Árbitro: Ricardo Marques Ribeiro (MG)
Gols: Dedeco/Remo (41’/2T).

Local: Estádio Mangueirão
Tribuna do Norte
Compartilhe isso:

Recommended For You

About the Author: Terra Potiguar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Roda pé
%d blogueiros gostam disto: