100 dias da gestão de Álvaro em Natal

A manutenção do quadro de auxiliares, inclusive, é o ponto mais positivo da atual gestão, segundo análise da vereadora Nina Souza (PDT), líder do governo na Câmara Municipal. De acordo com ela, como não houve mudanças drásticas, o trabalho pode ser continuado sem maiores entraves.

“O novo prefeito tem dado continuidade às ações e obras de Carlos Eduardo. E o fato de ele não ter feito alterações no secretariado é muito positivo, porque a equipe vinha em um ritmo de planejamento, e isso continuou”, destaca a pedetista, acrescentando que o prefeito tem conseguido administrar a crise. “Ele tem feito frequentes viagens a Brasília, para viabilizar convênios. Além disso, entregou algumas casas e colocou o salário em dia. Tudo isso diante de um cenário de crise”.

Já Sandro Pimentel (PSOL), que integra a bancada de oposição ao prefeito na Câmara, assinala que a “continuidade” é justamente a pior marca desses cem primeiros dias de Álvaro na Prefeitura. “É o mesmo modo atrasado de fazer política. E, administrativamente, nenhum setor melhorou. A cidade continua com buracos, ruas alagadas e muita maquiagem”, afirma o vereador.

O socialista adiciona que o “trato político” com os vereadores piorou na gestão de Álvaro Dias. “A forma de administrar é a mesma [em relação a Carlos Eduardo], com a diferença que ele [Álvaro] é mais duro, mais carrasco, inclusive com sua própria base. Como ele endureceu o trato, com um trato coronelista, houve rompimentos políticos porque nem todas as pessoas aceitam ser subservientes com um chicote nas costas”, aponta Sandro.

A líder da bancada de sustentação ao prefeito minimiza o fato de três vereadores terem rompido com o governo quando o novo prefeito assumiu. “Verdade. Alguns membros não fazem mais parte [da bancada]. Mas, no contexto geral, a bancada continua forte. Só que o principal é trabalhar a favor de Natal. Os vereadores que não são da base certamente votarão a favor dos projetos que forem para beneficiar o povo. E o prefeito tem uma boa abertura com a Câmara, já foi lá várias vezes”, afirma Nina.

Para o vereador Preto Aquino (PEN), o principal destaque da atual administração é o pagamento dos salários dos servidores. “Apesar das dificuldades financeiras enfrentadas pela capital, o prefeito conseguiu pagar o funcionalismo em dia, algo com o qual ele tinha se comprometido. Diferentemente do Governo do Estado, que só promete e não consegue cumprir, vejo no prefeito Álvaro Dias comprometimento e palavra com a população de Natal”, pontua Preto.

O vereador Felipe Alves (MDB), outro integrante da bancada governista, analisa positivamente a gestão de Álvaro nos primeiros cem dias. “Ele assumiu uma gestão prometendo continuidade e manteve a equipe experiente do ex-prefeito Carlos Eduardo. Está muito cedo para avaliar, mas vejo como positiva a gestão, pois não houve paralisação dos serviços em Natal.

A vereadora Natália Bonavides (PT), por sua vez, discorda dos colegas que dão sustentação ao prefeito. Para ela, Álvaro Dias tem, sim, dado continuidade à gestão Carlos Eduardo, e é justamente esse o ponto mais negativo da administração. “A gestão do prefeito Álvaro Dias dá continuidade ao projeto de gestão de Carlos Eduardo. Desmonte do serviço público e uma política de caráter oligárquico que chegou a afastar até mesmo os vereadores de sua base aliada. Infelizmente, quem continua a sofrer com essa forma de fazer política é a população natalense”, finaliza a petista.

AGORA RN

Compartilhe isso:

Recommended For You

About the Author: Terra Potiguar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Roda pé
%d blogueiros gostam disto: